Simpósio

Simpósio: LITERATURA NA ESCOLA E AS RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS: PRODUÇÕES AFRICANAS, AFRO-BRASILEIRAS E INDÍGENAS

Geraldo da Aparecida Ferreira – Doutor, Unimontes

Gislene Maria Barral Lima Felipe da Silva – Doutora, UnB

Josenildo de Jesus Pereira – Doutor, UFMA

RESUMO: Em um momento em que se busca o aperfeiçoamento do processo ensino e aprendizagem como ferramenta de desenvolvimento de um aluno leitor crítico e ativo, o alargamento do leque de opções de livros literários a serem ofertados a esse público torna-se fundamental. Ações nesse sentido contribuem para a evolução da competência leitora do aluno e a percepção deste para os aspectos humanizador, histórico, cultural e social da literatura. Nesse entendimento, o ambiente escolar se configura como um lugar privilegiado para se pensar a diferença e, mais do que isso, para conhecer o que nos aproxima e o que nos diferencia. Apesar da diversidade que caracteriza a formação do nosso povo, o sistema escolar atual valoriza de forma exacerbada uma cultura hegemônica, com raízes europeias, em detrimento de outras, como as de matrizes africanas e indígenas. Pretende-se com este simpósio reunir pesquisadores que abordem produções literárias escritas por africanos, afro-brasileiros e indígenas, assim como trabalhos que discutam essas culturas e as contribuições delas na formação de leitores no espaço escolar. Serão aceitos, preferencialmente, trabalhos direcionados para produções contemporâneas, que apresentem protagonistas negros e indígenas na produção e na ficção.

Ordem de apresentação:

10/05

15h30min: EDUCAÇÃO: NA PRÁTICA DE AÇÕES ANTIRRACISTAS, A CONFIGURAÇÃO DE UM NOVO ESPAÇO DE VISIBILIDADE

15h50min: O ENSINO DE LITERATURA AFRICANA EM LÍNGUA PORTUGUESA E SUAS PERSPECTIVAS

16h10min: A HISTÓRIA DE TIMBÓ E A LITERATURA ORIUNDA DA ORALIDADE: PRÁTICAS DE LETRAMENTO LITERÁRIO EM SALA DE AULA

16h30min: UM CERTO OLHAR PARA O ENSINO DA LITERATURA INDÍGENA: AUTORIA FEMININA EM SALA DE AULA

11/05

15h30min: LETRAMENTO EM ESPAÇOS DE RESISTÊNCIA NO ROMANCE UM DEFEITO DE COR

15h50min: OLHOS D’ÁGUA, REFLEXO DA MULHER AFRO-BRASILEIRA: DA PROSTITUIÇÃO À EXCLUSÃO, DUZU-QUERENÇA COMO SUJEITO SUBALTERNIZADO

16h10min: A REPRESENTAÇÃO DO FEMINISMO NEGRO NA OBRA OLHOS D’ ÁGUA, DE CONCEIÇÃO EVARISTO

16h30min: LETRAMENTO RACIAL EM ANA MARIA GONÇALVES E CONCEIÇÃO EVARISTO

12/05

15h30min: PROJETO GRANDES ESCRITORES – UM RECORTE: IDENTIDADE NEGRA “SOU TAMBÉM BRASIL”, EXPRESSÃO DA CULTURA NEGRA IMPACTANDO VISÕES, E PROMOVENDO PERTENCIMENTO SOCIAL

15h50min: A CABEÇA CALVA DE DEUS, DE CORSINO FORTES: INTERSEMIOSE E ENSINO

16h10min: NEGRITUDE, POESIA BRASILEIRA CONTEMPORÂNEA E ARTES VISUAIS EM SALA DE AULA

16h30min: AOS SONS DAS PERIFERIAS AFRO-LATINAS: O PROCESSO AFROCENTRALIZADO NA FORMAÇÃO DO GOSTO MUSICAL CONTEMPORÂNEO

13/05

15h30min: HISTÓRIAS DE PRINCESAS AFRO-BRASILEIRAS: REFLEXÕES DE EMPODERAMENTO NA OBRA OMO-OBA, DE KIUSAM DE OLIVEIRA

15h50min: UMA ANÁLISE SOBRE A SUBJETIVIDADE DO “EU” NAS METÁFORAS DO ESPELHO NO CONTO “CIDADE ESPELHO”, DE ELIANA ALVES CRUZ

16h10min: OMO-OBA: HISTÓRIAS DE PRINCESAS – UMA NARRATIVA DE EMPODERAMENTO EM KIUSAM DE OLIVEIRA

16h30min: BANZO: UMA PONTE ENTRE TRAJETÓRIAS PASSADAS E PRESENTES, E A RESISTÊNCIA NOS POEMAS DE CONCEIÇÃO EVARISTO

14/05

15h30min: NECROPOLÍTICA E ABANDONO DO ESTADO: UMA DENÚNCIA EM QUARTO DE DESPEJO, DE CAROLINA MARIA DE JESUS

15h50min: RACISMO E DESIGUALDADE SOCIAL NA OBRA DE LIMA BARRETO

16h10min: A REVISITAÇÃO DO MITO DA DEMOCRACIA RACIAL NOS ROMANCES “REI BRANCO, RAINHA NEGRA” DE PAULO AMADOR E “XICA DA SILVA” DE JOÃO FELÍCIO DOS SANTOS

16h30min: TERRA SONÂMBULA: JUNHITO E MUIDINGA E AS REPRESENTAÇÕES DA DISTOPIA E DO INSÓLITO